É que eu sou de Vacaria!

Barbaridade chê! Dizem por aí, que eu tenho um forte sotaque gaúcho. Aí eu respondo: "É que eu sou de Vacaria!" Frase um tanto quanto apropriada pra quem ama a terra de onde veio. Pois é. Eu amo a minha terra. Dizer que sou gaúcha é uma coisa, levar aquilo que honro comigo é outra. E é disto que eu me orgulho.
Me orgulho de ser gaucha e não apenas riograndense. De conhecer a historia do meu estado. De cavalgar pela Pampa. Proziar com o Martín Fierro. É, eu sei cevar um bom mate. Sei tocar um bom chamamé. Sei cantar uma chamarra. Não sou poeta, muito menos guitarreira, como me disse o Carlotto. Sou apenas mais uma vivente que se acha no direito de defender suas origens. E nessa época de carnaval a ansiedade toma conta de mim. Não vejo a hora de chegar o 20 de setembro e poder dizer com mais ourgulho ainda: "Eu sou dessa terra!".
Mas enquanto essa data louca, com pessoas 'agitando' e parecendo mais depravados sexuais não passa, eu fico aqui, torcendo pra que o tempo seja meu aliado e eu possa ouvir a pampa cantar: "Mas não basta pra ser livre, ser forte aguerrido e bravo. Povo que não tem virtude acaba por ser escravo." ♪

2 comentários:

Bi disse...

Eu tive mais orgulho do meu estado, quando morei em Santa Catarina. É o melhor estado do Brasil, de certeza! Muito bem Emy ;)

Emy♥ disse...

Com toda a certeza gabi! ♥